domingo, 21 de julho de 2013

Medo

Quem um dia, não sentiu medo de algo? Quem vive em cidades grandes como São Paulo ou Rio de Janeiro sabe bem o que é sentir medo. Faz parte da natureza humana. Sentimento ameaçador, pessoal, difícil de explicar. Além do medo físico, moral, social, é comum as pessoas se isolarem temendo tomar decisões, de serem diferentes, de experiências novas e até de novas amizades ou namoro. 

Combater com livros de auto ajuda não produz a segurança necessária para enfrentar o medo. Pedir proteção de guias ou entidades aumenta o medo. Usar calmantes sem a devida orientação médica pode criar dependência, buscar companhia inadequada é atrair problemas.

O modo seguro de lidar com seu medo é envolver-se com o amor de Deus revelado em Jesus Cristo. Esse amor libertará você da prisão do medo. A certeza da paz e segurança da presença de Deus em sua vida lhe dará condições para enfrentar os novos medos que surgirem.

O Senhor é a minha luz e a minha salvação
de quem terei medo?
Slm 27.1

Esta frase foi dita por quem enfrentou medos pessoais e circunstanciais, confiante em Deus. Em casa situação sentiu o Seu amor. 

Deixe Deus através de Jesus, iniciar um processo de libertação diária, pois " o perfeito amor expulsa o medo". Confiando nisso enfrentará os temores da vida. Dê o primeiro passo enfrentando o seu medo, reconheça que tem enfrentado de maneira errada. Ore a Deus pedindo que guie a sua vida e lhe ajude a mudar a maneira de enfrentar cada situação. Confie no que Ele fez na cruz do Calvário e descanse em Seu Amor.

O medo é o oposto ao amor. O amor constrói
o medo destrói.





Imagens Google

segunda-feira, 8 de julho de 2013

Diferença entre o rei Davi e Você

Tragédias acontecem até mesmo na vida de gente importante e que se diz temente a Deus. Uma dessas pessoas foi o rei Davi que se envolveu com uma mulher casada, matou o seu marido e este fato tornou-se público. Que escândalo! Mesmo assim ele era uma pessoa especial para Deus, simplesmente porque se arrependeu, admitiu que era pecador, que nunca poderia pagar seu pecado e sempre seria devedor a Deus. Embora fosse o rei do seu país, reconheceu, publicamente que, em tudo, dependia da bondade e da misericórdia de Deus.

Ele sabia que mesmo vivendo uma crise, exposto à opinião pública ou em qualquer outra situação, Deus ouviria sua oração e sob hipótese alguma se afastaria dele. Ele também enfrentou sérios e graves problemas familiares, com falsos amigos e teve inimigos desejando sua morte. Mesmo assim, vivia na paz e no descanso de Deus.

Esta confiança o levou a dizer: "O Senhor é o meu pastor e nada me faltará."

Sabe que diferença existe entre você e Davi?
Nenhuma!

Ele era semelhante a você em todas as paixões, medos e desejos. A questão é que ele decidiu confiar em Deus e pôs em prática a lição do arrependimento. Deus jamais rejeita a oração de um coração verdadeiramente arrependido. Assim disse Davi:

Louvado seja Deus que não rejeitou
a minha oração nem afastou de
mim o Seu Amor.

Conforme diz o texto o pecado tem três estradas; uma se chama Paixão, outra Medo e outra Desejo. Se por acaso você andou caminhando por uma dessas estradas e descobriu o abismo no final, não se preocupe, pare, arrependa-se, peça perdão ao Senhor e Ele te trará de volta carregado nos Seus braços pela estrada chamada Perdão, tomará o atalho da Misericórdia e juntos chegarão ao pasto verdejante chamado Amor.

Que a doce paz do Senhor Jesus Cristo esteja sobre todos. Amém!

Textos bíblicos - Sl 66.20 e Sl 23.1
Imagens Google.

domingo, 7 de julho de 2013

A fórmula da Vitória



Algumas vezes as dificuldades chegam como uma avalanche impetuosa, que nos pega desprevenidos e despreparados. Se por causa das dificuldades você se encontra abatido, desanimado tipo "devagar quase parando", se estiver se perguntando por que Deus está permitindo que tudo lhe aconteça, preste atenção às palavras de uma pessoa que passou por crises semelhantes as suas e até mais difíceis:

 "Sei o que é passar necessidade e sei o que é ter fartura. Aprendi o segredo de viver contente em toda e qualquer situação, seja bem alimentado, seja com fome...tudo posso naquele que me fortalece". 
(Fp. 4.11-12).


Quando o apóstolo Paulo declarou: "Tudo posso naquele que me fortalece", se ele podia,  você também pode tudo suportar. Interessante pensar como o apóstolo fez de Jesus o modelo de vida quando disse: "tornem-se meus imitadores, como eu o sou de Cristo" (1Cor 11.1).

Jesus também sofreu, Ele é nosso modelo. Devemos imitá-Lo. Este é o segredo para uma vida equilibrada, segura e firme, principalmente nas horas difíceis. Imitemos alguém que soube o que é sofrer.

Para aprender a viver com Deus, creia que tudo é possível na pessoa de Jesus. Nele, você encontra o ânimo e o exemplo de como suportar e se portar em meio as lutas. Imite a Jesus! Ele dependeu totalmente do Pai, e este é o grande segredo, depender totalmente do Pai.

Existem momentos em que não há o que fazer, como diz o ditado popular - se correr o bicho pega, se ficar o bicho come. E esse bicho tem nome "Diabo".  Então pare, olhe firme para o Senhor, clame a Ele, porque Ele disse "Clama a mim e eu te responderei", chore, mas chore diante do Senhor e depois levante-se, enxugue as lágrimas e siga adiante. Jesus suou lágrimas de sangue no Jardim do Getsêmani, tal a amargura que sentiu naquele momento, mas depois levantou-se e seguiu.


A fórmula da vitória é imitar quem sabe.
Imite a Jesus.

LIBERDADE - FORÇA E VISÃO

Voar como Águia Todos queremos ser livres, mas como podemos conseguir a tão sonhada liberdade neste mundo cheio de barreiras, dific...