segunda-feira, 4 de março de 2013

Abraça-me - David Quinlan



ABRAÇA-ME

Quero ser como criança
Te amar pelo que és
Voltar à inocência
Acreditar em Ti
Mas as vezes sou levado 
Pela vontade de crescer
Torno-me independente
E deixo de simplesmente crer

Não posso viver longe do Teu amor, Senhor
Não posso viver longe do Teu afago, Senhor
Não posso viver longe do Teu abraço, Senhor

Abraça-me, Abraça-me
Abraça-me com Teus braços de amor



Nenhum comentário:

Postar um comentário

O PODER DE CRISTO EM NÓS

                                                          A cura de um endemoninhado em        Cafarnaum - Marcos 1:21-28 Jesus e...